breves prosas poéticas

Eles eram o labirinto, e eram o Minotauro, e eram o fio de Ariadne

05/07/2021

Ele comemorava seu aniversário com uma festinha no Mc Donald’s. Ela estava deitada de bruço fazendo desenhos em folhas enormes que, só muito tempo depois veio a saber, eram de uma impressora matricial. Era quinta à tarde, ela conversava com suas primas e usava um boné rosa com um logo amarelo. Ele dormia depois do colégio um sono sem sonho. Ela colou aparelho nos dentes. Ele perdeu sua primeira máquina fotográfica. Era ano de Olimpíadas, ele trocou de canal até…

Continue Lendo

Clipping Textão

Para O Globo:”É preciso ser antiantissemita”

22/06/2021

O Brasil é racista. A realidade, descortinada especialmente por intelectuais e influenciadores negros, ajudou a implodir, nos últimos anos — ao menos para boa parte da sociedade — o mito de nossa democracia racial. Com índices comprovados de preconceito e violência contra pretos, indígenas e tantos outros grupos, era de se esperar que os judeus não fossem poupados. Causa estranhamento, entretanto, o quão pouco discutimos o antissemitismo à brasileira, durante nosso processo de conscientização contra a opressão de minorias. No…

Continue Lendo

De tudo Lifestyle

O que aprendi no curso da felicidade de Yale

14/06/2021

Eu já tinha ouvido falar do Curso da Felicidade de Yale, um apelido que a imprensa deu à série de aulas idealizada pela professora Laurie Santos, focada em como ciência pode ajudar a aumentar nosso bem-estar. Quando ministrado pela primeira vez (a única  de forma presencial), com o nome “Psyc 157: Psychology and the Good Life”,  em 2018, o curso atraiu mais de mil alunos, ocupando o maior auditório da universidade. Ganhou capas de revista e chamadas em sites, e…

Continue Lendo

breves prosas poéticas

Meninas, mulheres e juros compostos

16/04/2021

Tenho tentado aprender sobre mercado financeiro. Numa das aulas, ouvi que o separa mulheres e meninas é saber o que são juros compostos. O que separa mulheres e meninas é uma fase ruiva, franjas mutiladas pelo tédio, 22 cortes de cabelo — muitos dos quais se propuseram a ser uma revolução pessoal, mas, no fim, foram só cortes de cabelo mesmo. É saber distinguir quais pontes construir, quais demolir. E que algumas delas merecem ter seus escombros queimados, suas cinzas…

Continue Lendo

breves prosas poéticas

Para Paulo Guedes, com amor (apenas) pelos livros

13/04/2021

Pelo amor que Freud tinha pela cultura romana, a gente pede. Pela amizade de Dom Quixote e Sancho Pança e pelos personagens femininos de Elena Ferrante, que milhões de meninas e mulheres ainda precisam conhecer, Paulo, salve os livros. Você disse que livro é coisa da elite, a gente admite que você entende de elite, mas Paulo, de livro a gente entende. Ama livro, grifa, dobra o pedacinho da página, tem sempre um na bolsa, vários na mesa de cabeceira,…

Continue Lendo

breves prosas poéticas

Eu queria que minhas amigas fossem famosas

08/04/2021

Eu queria que minhas amigas fossem famosas, só pra mais gente poder ler as análises políticas, sociais e econômicas que elas fazem, pelo whatsapp, com as frases mais brilhantes entremeadas por memes, gifs e figurinhas. Não quaisquer figurinhas; elas têm um arsenal imenso e só usam aquela que se encaixa perfeitamente ao tema da vez. Neste mundo, em que só por ter um microfone ou um espaço fixo no jornal tanta gente afirma barbaridades e bobagens, minhas amigas, elas é…

Continue Lendo

breves prosas poéticas Clipping

Clipping: entrevista no Estúdio CBN

19/01/2021

Estúdio CBN conversou com a escritora e jornalista Sabrina Abreu nesta terça-feira. Ela contou um pouco sobre a série que ela está fazendo no Instagram durante a pandemia e que viralizou entre os seguidores, o ‘Notas Isoladas’. ‘Entre cafunés e abraços, a escrita e a leitura ajudam muito a nossa vida, principalmente neste período’, afirma. Escrever é meu escape, eu não consigo não fazer.  …

Continue Lendo

Clipping

Clipping: Na Revista TPM, “Notas Isoladas”

14/01/2021

Desde pequena, a jornalista e escritora Sabrina Abreu cultiva o hábito de escrever em diários. No começo da quarentena, as oscilações de humor e os sentimentos conflituantes do período fizeram com que ela tivesse ainda mais vontade de colocar no papel o que estava sentindo. “Eu estava muito desconcentrada para a prosa, então escrevi frases, versos, e criei as Notas Isoladas”, conta. ⠀ Em mais de 300 notas já publicadas no Instagram, Sabrina traduz em palavras sentimentos muito comuns do…

Continue Lendo

breves prosas poéticas

O ano em que salvei uma vida (talvez)

21/12/2020

Teoricamente, sou capaz de fazer a manobra de Heimlich. Mas se, Deus me livre, alguém se engasgar perto de mim, não sei se conseguiria salvar a vida da pessoa. É que em momentos de pressão, nem sempre minhas mãos respondem aos meus comandos. Também era assim nos jogos de queimada ou handball, a bola vinha chegando, chegando … e nada de meu corpo reagir adequadamente. Eu era a pior jogadora do colégio. Foi só na escrita que finalmente minhas mãos…

Continue Lendo